domingo, 14 de fevereiro de 2016

Indriso - (MEMÓRIA) Premiado no V Concurso de Poesia Cidade de Ourinhos 2015



O traço leve e sutil
um toque na tela
o primeiro esboço.

Marcas de outrora,
no quadro, no rosto,
de quem a pintou.

Tão velho e míope
Retoca sem nada ver.



© GERSON CLAYTON RODRIGUES DOS SANTOS. 2015- Todos os direitos reservados

Poema premiado com Certificado na categoria Master e publicado em Livro do V Concurso de Poesia Cidade de Ourinhos 2015

12 comentários: